h
e
a
r
t
a
n
d

s
o
u
l


A fidelidade não é um compromisso com o outro, e sim com o nosso sentimento. Se você não for fiel ao que sente, do que importa o resto?


“Hoje uma cliente foi soletrar o email dela por telefone e começou: “C de cachorro, R de rato, E de elefante, S de saudade…”. Fiquei surpreso, a tendência era ela ter dito “S de sapo”, já que ela estava usando animais, mas não, saiu um “S de saudade”. Eu quase respondi “eu também… eu também”.”
Soulstripper.  

“Eu tenho que ficar criando obstáculos, fazer alguma coisa banal para não ter que bancar a estupida de pensar em você o tempo todo. Ficar imaginando outra vez a sua risada, ficar criando diálogos que você nunca entraria no script. E imaginar você aqui, é o que me deprime, porque sei que estarei sozinha outra vez.”
Back at her, stupid.  

Mas é por isso que te peço pra ter cuidado. Qualquer besteirinha que você fala, me faz muito bem ou muito mal. Não tem meio termo.”
Soulstripper.

“Por instantes é preciso de um momento só, de reflexões, questionamentos e respostas. Mas o coração ou a razão, pede um alguém pelo menos pra momentos de desabafo. As palavras, argumentos, pensamentos, respostas, sentimento, mágoa, podem sufocar e enforcar.”
Desabafos da alma, Requiz. (via requiz)

“Só não diga que me ama, pois já terei partido; arrumado as malas, decido as escadas, fechado a porta e atravessado a rua, porque odeio despedidas. É sempre tão triste, tão dolorido, e não aguentaria carregar o peso de mais um adeus. Faça o que quiser, mas, por favor, lhe peço, não diga que me ama, pois sou vil e não mereço tamanho gozo de um tão bonito, tão frágil, coração. Não me empeças a ida meu bem. Sei que doerá, já a sinto; corroendo o meu peito, estraçalhando minha alma, mutilando cada parte inteira ou não de mim; minha ferida já é profunda demais para um amor. Fale que me odeia, me maltrate e depois me xingue do que você quiser, mas não diga me ama, pois a dor seria maior, o abismo seria mais fundo e o corte seria mais dolorido. Porque você não pode simplesmente me amar. Sou fraco, acuado, murcho e meus ombros já não aguentariam suportar o peso de um mundo maior que o meu. Você é um céu cheio de estrelas, um oceano profundo que me puxa para os seus abismos mais escuros e sobre os cardumes eu me perco em todo esse baile de um mundo tão distante do meu que é só um caos e um buraco maior. De tudo, meu bem, só não diga que me amas, pois já terei pego o primeiro táxi que apareceu.”
Mais Alto Que Bombas

“- Como andas?
- Com as pernas.
- Interessante.
- O quê?
- Teu uso da ironia para esquecer a dor.”
Camila Reis.    

cessarei asked: uma pessoa de quem sente falta? :)

não sei ;/ oeiw


theme excluisivo por ozzland